Marchinhas temáticas, decorações, fantasias e mesa de lanche. O carnaval já começou no Materninho. A comemoração aconteceu na sexta-feira, 17 de fevereiro, durante o horário de almoço, entre 13h30 e 14h30, período de transição entre os turnos matutino e vespertino.”

Quem foi ao foyer do Auditório JK viu diversos sorrisos, os bebês fantasiados se divertiam à beça. E seus pais também.

Seus olhos brilhavam com as perucas coloridas e fitas pregadas ao teto. Felipe, de 8 meses, estava todo sorridente. Felipe não! Naquele momento ele era o Super-Homem!. A mãe Larissa Girardi contou: “essas festas são um bom momento de convivência para as crianças socializarem um pouco, geralmente elas não têm costume de ter contato com tanta gente. Algumas até estranham, mas o Felipe já está um pouco mais acostumado”.

A pequena Lívia, de 11 meses, foi fantasiada de Minnie Mouse. Sua mãe, Patrícia Hernandez, elogiou o trabalho do berçário. “É um trabalho impecável. É perceptível a evolução do desenvolvimento dos bebês, as atividades são muito bem elaboradas”, comentou.

A comemoração acontece anualmente e já é parte da programação do Materninho. A chefe substituta do berçário, Patrícia Otoni, explicou que este foi um momento simbólico: “É importante porque é o primeiro carnaval dos bebês”. Para colaborar com o clima, as auxiliares de educação infantil e as psicopedagogas também foram fantasiadas. Para o resto do ano ainda estão previstas outras atividades. “Também tentamos fazer outros eventos quando há disponibilidade, como comemorações de festa junina, dia da família, dia das crianças e natal”, concluiu.

Publicado originalmente na Intranet MPF, 21 de fevereiro de 2017.