ASSEJUFE (TRF1) e ASSEJUS (TJDFT) aderiram a contratação do escritório de advocacia do Ministro Gilson Dipp, em parceria com a ASMPF E ASSTJ, todavia, ainda não atingimos o número necessário de adesões.

Repise-se, a situação do MPU é um pouco diferente do PJU, em razão que tivemos nosso PCS aprovado em 2000 enquanto o PJU, foi em 1996. No ano 2000 foram atualizadas as VPNI’s, com base na tabela do novo Plano, quando as vantagens já estavam extintas.

Quem tem quintos do período de 1998 a 2001 PERDERÁ TUDO, e quem tem incorporações anteriores a esta data, perderá a correção do ano de 2000, passando a receber o valor de 1995 CONGELADO!!!

Para aderir a contratação do Ministro Gilson Dipp é necessário ser associado à ASMPF, uma vez que não foram feitas contratações individuais. Para tal, é necessário autorizar o desconto em folha dos valores dos honorários, a princípio de R$ 500,00 por pessoa. Caso aumentem as adesões, o valor per capta pode ser reduzido.

Esse valor foi calculado para adesão de apenas 700 pessoas, tendo em vista que o valor total da contratação é de R$ 350.000,00.

ESTAMOS LITERALMENTE CORRENDO CONTRA O TEMPO.

Precisamos contar com a totalidade da adesão dos servidores atingidos, pois se não houver união, TODOS SERÃO PREJUDICADOS.

Os interessados devem encaminhar para: cadastro@asmpf.org.br ou financeiro@asmpf.org.br, a ficha de autorização do contrato, junto com a ficha de filiação da ASMPF (caso o servidor ainda não seja associado).

 Estamos à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Download “Autorização dos Quintos” autorização-dos-5°.pdf – Baixado 168 vezes – 109 KB

Download “Ficha-de-Filiacao-2.pdf” Ficha-de-Filiacao-2.pdf – Baixado 31 vezes – 3 MB

ASMPF

 JUNTOS SOMOS MAIS FORTES