O estágio final de testes de vacinas experimentais contra o Ebola terá início em janeiro ou fevereiro nos países da África Ocidental mais afetados pelo vírus, enquanto cientistas e fabricantes de medicamentos correm para segurar o contágio da doença, informou no último dia 8, fonte da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Caso se provem eficazes, as injeções estarão disponíveis para envio poucos meses depois.

Quase 90 especialistas de fabricantes de vacinas, agências reguladoras e ministérios da Saúde se reuniram na sede da OMS para revisar dados dos testes de segurança iniciais e finalizar os planos para os essenciais testes clínicos da fase três na Libéria, Serra Leoa e Guiné.

“É do meu entendimento que não há grandes sinais de segurança reportados até o momento”, declarou a diretora-geral da OMS, Margaret Chan, em seu discurso de abertura, obtido pela Reuters.

“Todos nós queremos que o impulso e senso de urgência continuem”, disse ela. “Muitos profissionais de saúde ainda estão sendo infectados, incluindo os locais e médicos e enfermeiros de equipes médicas estrangeiras.”

A reunião discute três projetos de ensaios clínicos em larga escala diferentes, que usam as mais avançadas vacinas para combater a doença que matou mais de 8 mil pessoas no ano passado.

Duas vacinas da GlaxoSmithKline e outra resultante de uma colaboração entre a NewLink Genetics e a Merck entraram na fase inicial de testes clínicos no final do ano passado.

Uma terceira vacina, da Johnson & Johnson e da Bavarian Nordic acabou de atingir o estágio de testes em humanos.

Fonte: G1 – http://noticias.ambientebrasil.com.br/clipping/2015/01/09/111919-testes-finais-de-vacina-contra-ebola-terao-inicio-em-janeiro-ou-fevereiro.html