/ASMPF RECEBE O 6º CANDIDATO A PGR, ANTÔNIO CARLOS FONSECA SILVA, EM REUNIÃO UNIFICADA

ASMPF RECEBE O 6º CANDIDATO A PGR, ANTÔNIO CARLOS FONSECA SILVA, EM REUNIÃO UNIFICADA

Na tarde desta segunda-feira (27), a Presidente da Associação dos Servidores do Ministério Público Federal (ASMPF), Suely Masala, recebeu o candidato à PGR, o Subprocurador-Geral da República, Antônio Carlos Fonseca Silva, em reunião unificada com entidades representativas do MPU e poder Judiciário.

 O Subprocurador, Antônio Carlos Fonseca Silva, afirma que a boa gestão de PGR baseia-se na valorização do capital humano, “Para ter essa base é preciso diálogo como os servidores e membros da casa”, afirmou Carlos Fonseca.

Como nas demais reuniões unificadas com os candidatos a Procurador-Geral da República, os representantes das entidades presentes apresentaram ao Dr. Carlos Fonseca uma lista com reivindicações da categoria; o Subprocurador Calos Fonseca é o sexto candidato a se reunir com as entidades de classe.

Os temas debatidos foram: reuniões periódicas das entidades com a Administração; recomposição salarial, implementação da transparência e cadeira para as entidades no Conselho Gestor do Plan-Assiste; terceirização e assédio moral.

Abaixo, apresentamos, de forma sintética, as respostas do candidato, concernentes aos pontos apresentados:

Reuniões com a Administração — O Subprocurador manterá o diálogo com as entidades, pois, para ele os assuntos e demandas, da categoria, que chegam ao PGR precisam ser deliberados, “Nestes casos o diálogo é fundamental”, resaltou, Dr. Fonseca.

Recomposição Salarial — Para Dr. Carlos Fonseca, as perdas inflacionárias devem ser avaliadas em conjunto, assim sendo, comprometeu-se em direcionar atenção à questão apresentada pelas entidades, “Temos que andar juntos (entidades e administração) para fortalecer os nossos argumentos e definir essa questão”, disse.

Transparência no Plan-Assiste — Para o Subprocurador, o plano necessita de uma administração estruturada, e, que possua embasamentos no setor de saúde, bem como manter uma fiscalização continua, evitando perdas para o mesmo e gerando onerações para os usuários. Dr. Carlos Fonseca concederá as entidades participação no Conselho Gestor, objetivando a transparência no plano.

Terceirização — Dr. Carlos Fonseca ressaltou que a pauta requer diálogo amplo, indicando aos presentes que analisará a questão. Sugerindo, se possível, a implementação de uma Câmara de Mediação de Conflitos, assim podendo ampliar a discussão para as demais pautas.

Assédio moral — Segundo o Subprocurador, para combater a prática do assédio moral é necessária uma política de prevenção com um sistema de repressão aos envolvidos nos casos denunciados.

Em resposta, após deliberação, Dr. Carlos Fonseca, comprometeu-se em estudar os temas apresentados. O termo compromisso, formulado em conjunto pelas entidades, contendo os pontos supracitados serão posteriormente assinado por Fonseca.

Representantes associativos presentes: Suely Masala (ASMPF / SINDJUS); Adriel Gael, Rodolfo Vale e Renato Cantoni (SINDMPU); Victor Rocha (ASCNMP); Fernando Belchior Fontinelle (AGEMPU); Elizabeth Zimermann e Laércio Bernardes Reis (ASEMPT).

Participe da Consulta TOP 5 PGR da ASMPF, que acontecerá entre os dias 29 de maio a 07 de junho, contando com o apoio do SINDJUS e AGEMPU.

ASMPF

JUNTOS SOMOS MAIS FORTES